sexta-feira, 22 de junho de 2012

Sobre a perda de valores - a honestidade





Vivo num mundo decadente, onde os valores se perdem num cemitério sombrio. 
Um mundo onde o profissionalismo ou no caso a falta dele, dá lugar à busca do "Dolce far niente", justificado pela futilidade. 
Muitas vezes a honestidade e a lealdade é premiada com um misto de repúdio e desprezo, sendo acorrentada a um muro de incompetência! 
Valorado é aquele que através de artifícios mais ou menos elaborados, consegue o que o homem honesto tenta conseguir justamente recorrendo aos canais éticos, fazendo-o pensar em perder a honestidade, enveredando por um caminho mais obscuro de facilitismo. 
É um contágio que alarma, tornando a sociedade corrupta e mentirosa!
No entanto nesta luta titânica o homem leal, que tenha enraizados em si determinados valores e princípios, terá sempre a essência em si próprio, apesar das injustiças que o cercam e lhe amordaçam a alma!


João Salvador - 22/06/2012

Sem comentários:

Enviar um comentário